sexta-feira, 2 de abril de 2010

Em algum lugar - Hermann Hesse

No deserto da vida eu erro e ardo
a gemer sob o peso do meu fardo,
mas em algum lugar quase esquecido
sei de frescos jardins em sombra e em flor.
Em algum lugar, nos confins do sonho,
sei que um abrigo vela
onde a alma volta a ter pátria
e estão a espera o sono, a noite e as estrelas.


In Andares Antologia Poética

Um comentário:

Renata M. disse...

Escolhi seu blog para o Prémio Dardos. Veja no meu o que fazer :)

Beijo!