terça-feira, 19 de outubro de 2010

O amor - Carpinejar


"O amor não é para os equilibrados.
Não somos feitos para nos encaixar,
mas para arrebentar as caixas"


2 comentários:

Marli Borges disse...

Uau!
Não se encaixar, arrebentar caixas, não ter equilíbrio, é o tipo de amor que pega muito bem na literatura. Fica lindo. Mas na vidinha real, essa de todos nós, é bem complicado.
Bjssssss

Adélia Nenevê disse...

Realmente Marli !
Mas na vida real é o mais complicado o que mais encontramos; precisamos a cada dia rever nosso modo e conceito de AMOR.

Grande beijo e obrigada por participar do meu blog !

Adélia